tradizer

Quando você acha que não precisa de um profissional: Tradução de documentos oficiais do Brexit espanta pela péssima qualidade

. 1 minuto de leitura . Written by Fabiano Seixas Fernandes
Quando você acha que não precisa de um profissional: Tradução de documentos oficiais do Brexit espanta pela péssima qualidade

Respondi a um tuíte, há algumas semanas, sobre profissões. Pedia para contarmos algo que ninguém sabe sobre nossa profissão; minha resposta foi a seguinte:

O governo britânico, aparentemente, fez o favor de comprovar isso, ao traduzir o livro branco (white papers) do Brexit. Abaixo, um trecho da reportagem publicada no Inews. Para a reportagem integral (em inglês), clique aqui:

O documento tinha a intenção de ir diretamente para os países europeus, seus líderes e seus povos, sem passar pelo que foi estabelecimento em Bruxelas. Mas deu errado.

O livro branco do Brexit do governo foi traduzido para 22 línguas, mas recebeu uma saraivada de críticas de falantes nativos confusos, que perceberam coisas estranhas, obsoletas e mesmo palavras inventadas.

O intérprete Daniel Pashley alertou: “As traduções do livro branco do Brexit do governo são bem ruins. O tom está errado, palavras erradas foram usadas. Na página do menu, os nomes das línguas contêm erros de ortografia.”