Você se inscreveu com sucesso em Fabiano Sei
Ótimo! Em seguida, finalize a compra para ter acesso completo a Fabiano Sei
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está totalmente ativada, agora você tem acesso a todo o conteúdo.
tradizer

Redigindo resumos para artigos científicos

. 4 minuto ler . Written by Fabiano Sei
Redigindo resumos para artigos científicos

Uma das tarefas mais comuns do tradutor acadêmico é verter resumos de artigos científicos a serem publicados em periódicos, ou apresentações de eventos para uma língua estrangeira. Em outra ocasião, comentei sobre as diferenças em ambos os tipos de resumo; agora, ocupa-me oferecer alguns parâmetros para a redação de um bom resumo, a ser publicado juntamente com seu artigo científico.

O resumo é um co-texto—ou, se preferirmos um termo mais técnico, um peritexto—; embora acompanhe obrigatoriamente seu artigo, não é parte dele, pois tem funções diferenciadas: apresentar a pesquisa ali relatada a públicos que não podem lê-la no original—permitindo-lhes incorporá-la em suas pesquisas—, e oferecer aos que podem um prévia dela, que lhes auxilie a decidir se é relevante ou não para sua pesquisa.

Conforme apontei em outra ocasião, esta função do resumo determina sua estrutura e conteúdos; o resumo deve fazer um apanhado geral de todas as etapas do processo de pesquisa científica relatados no artigo a que acompanha: objetivos gerais e específicos, referencial teórico, metodologia, resultados e conclusões. (O resumo de artigo científico não é uma sinopse de filme; ao contrário desta, é mais útil quando oferece spoilers.)

Como repete informações que serão detalhadas mais abaixo, podemos às vezes ficar um pouco confusos quanto a sua redação; mais especificamente, pode haver um certo receio de se repetir desnecessariamente. De minha parte, não creio que isso seja um problema: penso que o resumo pode, sim, reproduzir sentenças inteiras do corpo do texto, se forem centrais para a explicação da estrutura da pesquisa; mesmo assim, não deve ser uma simples colagem desconexa de excertos.

Pesquisadores menos experientes, algumas vezes, receando repetir-se, acabam por pecar pelo oposto—por exemplo, oferecendo no resumo objetivos diferentes dos explicitados no corpo do artigo. A repetição redacional de algumas sentenças cuidadosamente escolhidas pode ajudar a minimizar este problema: os objetivos devem ser os mesmos no resumo e no artigo, portanto pode não haver problema no fato de que sua redação, num e noutro, seja idêntica.

Finalmente, o resumo não é costumeiramente citado no corpo do artigo: justamente porque se trata de um texto acessório e distinto, você não pode escrever como se já houvesse dito algo só porque está no resumo.

Se seu tradutor acompanha regularmente as publicações de sua equipe de pesquisa, será possível conversar com ele sobre a possibilidade de aprimorar o resumo conforme seus objetivos, tornando-o mais eficiente informativo.

Dica de tradutor: periódicos
Via de regra, a produção de resumos e palavras-chave e sua tradução em abstracts e keywords é de responsabilidade dos autores. Entretanto, coletivamente, também são de interesse dos periódicos acadêmicos, por vários motivos:
Dica de tradutor: abstract
O abstract faz parte das práticas textuais da comunidade acadêmica. Costuma dar uma certa dor de cabeça justamente por ser escrito em língua estrangeira – e, conforme já mencionado em uma postagem anterior [/aversao-a-versoes/], nem sempre alguém que sabe escrever em língua estrangeira está aparata…
Você sabia que existe mais de um tipo de resumo e de abstract? Saiba como redigi-los e usá-los.
O resumo ou abstract [/dica-de-tradutor-abstract/] já foi tema de uma de nossas dicas de tradutor. Pesquisadores, professores e estudantes universitários estão sempre às voltas com a redação de um resumo, ou com sua tradução em um abstract —especialmente se desejam internacionalizar suas pesquisas. …
Redigindo (e traduzindo) resultados de pesquisa
Como tradutor de artigos acadêmicos, percebo que uma das seções mais difíceis de se redigir é precisamente a apresentação dos resultados—especialmente quando sua discussão é reservada a uma seção posterior. Em pesquisas de natureza quantitativa, existe uma grande soma de dados sensíveis : dados qu…
Publicando artigos internacionalmente: o seu tradutor deve fazer parte da equipe de pesquisa?
No atual contexto de produção científica—em que idéias devem ser cada vez mais rapidamente produzidas, testadas e difundidas—, existe uma pressão constante sobre pesquisadores e grupos de pesquisa não-anglófonos para que seus resultados sejam publicados em periódicos [/dica-de-tradutor-periodicos/] …