Mais sobre prazos: a impiedade acadêmica

Mais sobre prazos: a impiedade acadêmica

. 3 minuto ler

Como já mencionei em outra ocasião, clientes em potencial às vezes escrevem a seus tradutores antes de haver finalizado seus textos. Este é um momento de tensão tradutória, uma vez que a solicitação do texto completo para orçamento pode causar certa decepção.

É compreensível que um público acadêmico deseje adiantar o planejamento da etapas finais—tanto em termos de tempo quanto de gastos—de trabalhos com prazos impiedosos; mesmo assim, é importante ter em mente o seguinte:

  • A tradução é um serviço sob medida. Deve ser orçada com base na avaliação do texto finalizado.
  • Os prazos de entrega do cliente devem ser informados de antemão ao tradutor. Não adianta esperar dele que magicamente se encaixe em datas que desconhece—especialmente se o texto a ser traduzido não está pronto.

A estas dicas—que repito de postagens anteriores—, acrescento a seguinte:

Não terceirize atrasos. A responsabilidades sobre seus prazos é sua, não de seu tradutor.

Como ocorre em diversos tipos de serviço, sobre encomendas apressadas incidem taxas de urgência; a urgência exige do tradutor (ou de qualquer outro profissional) que reorganize sua agenda de trabalho às pressas, trabalhe fora de seus horários regulares (por exemplo, virando a noite), e mesmo corra o risco de perder ou dispensar trabalhos e clientes.

Entretanto, entrar em contato com seu tradutor mais cedo pode, sim, ser útil; embora muito provavelmente não possa lhe oferecer garantias ou valores, talvez seja possível adiantar alguns pontos da negociação, especialmente no que diz respeito ao prazo limite de envio do texto para orçamento. Conversar abertamente com quem nos presta serviços, compreender como este serviço é prestado são ações simples que à uma humanizam as colaborações e as tornam mais eficientes.

Como encomendas de tradução são orçadas?
É bastante comum que clientes de tradução—especialmente clientes que estãoencomendando uma tradução pela primeira vez—desejem obter informações precisassobre o valor a ser pago. Em alguns casos, estes clientes ainda não têm o textofinalizado, mas já contemplam a possibilidade de publicá-lo intern…
Porque você deve ser claro quanto aos prazos na hora de encomendar uma tradução
Além do orçamento [/como-encomendas-de-traducao-sao-orcadas/] (sobre o qual jácomentei em outras ocasiões), outra potencial fonte de frustração para clientesde serviços de revisão, formatação, normalização e tradução são os prazos. No caso do público que atendo com mais freqüência—o acadêmico, b…
Tradizer: O que você paga quando paga um serviço? Diretrizes para clientes
Quem atua como freelancer cedo tem de se ver com a questão elementar de quanto cobrar pelos serviços. Também para os clientes, orçar e avaliar orçamentos nem sempre é tarefa clara, e pode ser frustrante.